"Temos de transformar o luto em luta" - JOSÉ CARLOS DIAS, presidente da Comissão Arns

Comissão Arns vai para a rua em defesa dos direitos humanos

4 Out 2021, 9:57 ca-faixa-evelyn-ruman-fpd-correta.jpg

Em seu primeiro ato público conjunto, a Comissão Arns foi para a rua, na manifestação do dia 2 de outubro, em defesa da democracia e dos direitos humanos. Membros fundadores, apoiadores e colaboradores da Comissão se reuniram em frente ao Conjunto Nacional empunhando uma faixa e marcando presença com um "Viva D. Paulo! Viva a democracia!"

Margarida Genevois, 98 anos, presidente de honra da Comissão Arns fez questão de estar presente ao ato. Participaram também o presidente José Carlos Dias e os membros fundadores Belisário dos Santos Jr., Laura Greenhalgh, Maria Hermínia Tavares de Almeida, Oscar Vilhena Vieira e Paulo Vannuchi, além de membros apoiadores.

Após o ato, a Comissão caminhou pela Av. Paulista até o caminhão de som, em frente ao MASP, onde José Carlos Dias discursou: "Há quase 40 anos, pessoas de diversas linhas políticas, Ulisses Guimarães, Tancredo Neves, Franco Montoro, Lula e muitos outros estavam unidos pela esperança de redemocratizar o Brasil. Hoje, nós vivemos aqui uma manifestação não tão grande quanto a das Diretas Já. Mas estamos aqui porque o Brasil está esfrangalhado, miséria por todo o lado, a morte campeando por aí... quando nós vemos este poaís de luto por tantas pessoas desaparecidas, nós temos que transformar esse luto em luta!"